Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

"Quem é aquele rapaz?"

"Quem é aquele rapaz?"

Privacidade pública

20.02.21
E continuando na onda dos comentários públicos, dos quais falei no post anterior, há duas coisas que me fazem confusão. Primeiro, as pessoas que fazem orações em comentários públicos: "ajuda a minha filha", "ajuda os meus negócios"... Respeito a forma de cada um expressar a sua fé (também tenho a minha), mas não percebo a necessidade de expôr aquilo que deveria ser íntimo. Segundo, as pessoas que pedem informações e preços em sites de vendas. Também já pedi (...)

Respeitinho é bonito

16.02.21
Ouvi muita vez a frase que usei como título: "Respeitinho é bonito". Há alguns anos atrás, num fórum universitário, alguém fez um comentário mais desagradável sobre uma instituição. Sendo um fórum privado, apenas acessível aos estudantes daquela faculdade, abriu-se a discussão sobre se aquele comentário seria uma ofensa às pessoas que pertenciam a essa instituição. O autor defendeu que não, porque as pessoas visadas não tinham conhecimento dos comentários. Outros (...)

Cansaços

07.02.21
Gosto muito dos meus filhos, mais do que qualquer outra coisa ou pessoa. A Rapariga vem logo depois, ok? Nada de ciúmes...  Passei vários meses com eles em casa, enquanto estava em teletrabalho. De início por causa do encerramento das escolas, no fim por opção própria (quando já havia alternativas abertas). Agora a história repete-se: estiveram em interrupção letiva, mas esta semana recomeça a escola à distância, com atividades para ambos os filhos. A sala, que já era (...)

Overdose de informação

31.01.21
Tenho tentado ser sensato no consumo de informação desde que começou a pandemia. Sabendo que iria ser um tema muito esmiuçado pela comunicação social (como tantos outros), sabia que, a bem da minha sanidade mental, seria importante saber apenas o suficiente e aquilo que são os factos. Acabei por não conseguir. Hoje penso em várias notícias que fui ouvindo e fico na dúvida sobre o que realmente se passou. Os assuntos estendem-se no tempo: noticia-se o que será, o que poderá (...)

Também fui votar

24.01.21
Ao longe achei a fila pequena. Quando me aproximei vi que a fila dobrava a esquina e estava escondida detrás de um bloco de prédios. Por uns segundos pensei em desistir e voltar mais tarde, mas a preguiça de sair de casa novamente falou mais alto. Não me arrependi, porque a fila andava relativamente rápido. Várias pessoas garantiam a organização, distribuindo a fila principal para as várias secções e mantendo um número mínimo de pessoas dentro do edifício, sem deixar tempos (...)

Agora sim, em confinamento

23.01.21
Agora já noto o confinamento. Eu queria os ATLs abertos e tive-os durante 3 dias. Depois fechou tudo. E acabou-se o teletrabalho em sossego. Agora estou aqui, em confinamento, num dia triste e chuvoso, com uma chata de uma dor de cabeça (valha-me o paracetamol), a pôr a escrita e a leitura em dia. O tempo vai faltando. Estou a fazer posts semanais e a ler os vossos posts feitos há 2 e 3 semanas! 

Qual confinamento?

18.01.21
A semana passada foi daquelas em que muita coisa se passou ao mesmo tempo. Por isso, acabei por deixar de escrever aqui, não por falta de temas, mas por falta de tempo, paciência, inspiração, sei lá mais o quê... Entretanto começou mais um confinamento. Quase que não ia dando por ele, não fossem dois pequenos pontos. Em primeiro, nas compras on-line, vi aumentar o tempo para agendamento das entregas: normalmente é de 3 dias, neste momento vai em 10 dias. Portanto, tive que (...)

Digital

11.01.21
Tem-se falado muito em "transição digital". Normalmente irritam-me estas expressões que se usam até à exaustão sem haver resultados práticos. Mas sou a favor dela, quer como trabalhador (é a área que me garante emprego), quer como utilizador. De qualquer forma, parece-me que o problema do digital não está nos sistemas informáticos em si, mas antes nas pessoas, nas instituições e na sua organização (ou falta dela). Este ano, em virtude da pandemia, tivemos que fazer as (...)

Ainda é Natal

08.01.21
Eu sei que o Dia de Reis já passou, mas o tempo não chega para tudo. Por isso, aqui em casa ainda é Natal!   No fundo, estou só a adiar o inadiável. Não gosto de desmanchar as decorações de Natal, mas no fim-de-semana vai ter que ser... 

Apagões

07.01.21
A Rapariga considera-se perita em ligar eletrodomésticos sem que o quadro elétrico vá abaixo. Quando vejo mais um a ser ligado e lhe chamo a atenção, ela tem a resposta sempre pronta: - Estes podem estar ligados ao mesmo tempo. A sua perícia vem, sobretudo, da persistência: sempre que o quadro vai abaixo, ela insiste até conseguir. Um dia destes, enquanto eu estava na casa-de-banho, ouvi o som da varinha mágica a trabalhar, logo seguido de um apagão. Ela ligou o quadro. Ouvi (...)